FUNCEFFUNCEF

ACESSIBILIDADE

Redução de despesas com serviços

13 de Dezembro de 2016

Revisão de contratos almeja cortes da ordem de 20%

A FUNCEF buscará reduzir em 20% o patamar atual de despesas com serviços de terceiros. A meta deverá ser atingida por meio da revisão de todos os contratos celebrados pela Fundação, conforme decisão tomada pela Diretoria Executiva ao aprovar voto apresentado conjuntamente pela Presidência e a Diretoria de Administração (DIATI).

O diretor de Administração, Antônio Augusto, explica que essas despesas já apresentam trajetória de queda em função de mudanças na relação com os fornecedores e que o objetivo do voto aprovado pela Diretoria Executiva é engajar a todos na revisão geral dos contratos, visando a suspensão daqueles que não forem imprescindíveis. “Aqueles serviços desejáveis, mas que podem ser adiados devem passar por repactuação e aguardar outra oportunidade, o que implica em selecionar serviços e não apenas negociar preços”, salienta o diretor.

A Coordenação de Processos e Administração já vinha atuando em renegociações orientadas pela redução de custos, com reflexo importante no esforço geral da Fundação para conter e reduzir as despesas administrativas.

As despesas realizadas têm sido em valores inferiores aos orçados, com crescimento de ano para ano convergindo para índices próximos ou até mesmo inferiores à inflação. De 2014 para 2015, o crescimento foi significativamente menor que o INPC (5,16% contra 11,28%). O montante foi de R$ 153,5 milhões para R$ 161,4 milhões.

Ampliação do esforço

A proposta conjunta da Presidência e da DIATI faz com que as revisões de contratos de serviços com terceiros tragam contribuição ainda maior ao esforço na contenção de despesas. Tomando como exemplo os custos orçados para 2016 com serviços de terceiros, sem contar os contratos firmados no Jurídico e nas áreas de Tecnologia da Informação e de Comunicações, a economia produzida no exercício seria da ordem de R$ 5,5 milhões, com o valor orçado em R$ 27,3 milhões sendo realizado em R$ 21,8 milhões.

No âmbito do Jurídico da Fundação, a redução de custos projetada chega a R$ 6,8 milhões, sendo R$ 2,1 milhões resultantes da implantação de novo modelo contratual e R$ 4,7 milhões decorrentes da internalização de processos.

No setor de Comunicação, o orçamento anual da ordem de R$ 1,78 milhão em contratos com terceiros sofrerá redução de pelo menos R$ 1 milhão.

A decisão da Diretoria Executiva determina que todas as áreas da Fundação encaminhem à DIATI, até o final de janeiro de 2017, um levantamento das despesas atuais e das despesas previstas, de forma que fiquem demonstrados os percentuais e os valores financeiros reduzidos com as revisões de contratos.

Comunicação Social da FUNCEF


Imprimir

Balancetes e relatórios gerenciais

Documentos estão disponíveis no Autoatendimento

Matriz

SCN - Q. 02 - Bl. A - 11º, 12º e 13º andares
Ed. Corporate Financial Center
70712-900 - Brasília - DF

Central de Relacionamento: 0800 706 9000

Horário de Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, exceto feriados.

 

 

MAIS NOTÍCIAS