Logo funcef

Educação Financeira e Previdenciária

Conheça o Guia de Educação Financeira Futuros Poupadores

Publicação desmistifica o dinheiro para crianças e adolescentes

06 de Janeiro de 2021

Prostock-Studio/iStock.com

A Comissão Técnica Nordeste de Estratégias e Criação de Valor da Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (Abrapp) lançou o Guia de Educação Financeira Futuros Poupadores. Com 49 páginas, o livro estimula a relação saudável das crianças e adolescentes com dinheiro e, por tabela, com a educação financeira, a partir já da primeira infância. 

“Ensinar os filhos a ter uma relação saudável com o dinheiro deve ser uma das preocupações primordiais da família. Estamos tão ocupados trabalhando para proporcionar mais conforto às nossas famílias que não encontramos tempo para conversar com as crianças e os adolescentes sobre educação financeira. Ou pior: muitos de nós consideramos o tema “dinheiro” um assunto apenas para adultos – o que, obviamente, é um grande equívoco”, alerta o Guia, logo na introdução. 

O livro foi estruturado com ensinamentos para as crianças e adolescentes a partir de quatro tópicos: ganhar, gastar, poupar e doar. Ao dar dicas de como ganhar dinheiro, a publicação aponta caminhos para que crianças e adolescentes possam começar a empreender. Venda de doces, como brigadeiro, de artesanato ou bazar, além de prestação de serviços a idosos, são apontadas como atividades que podem fazer dinheiro a este público, de acordo com a faixa etária. 

Para poupar, os autores destacam a importância que o cofrinho pode ter na formação da criança e do adolescente. Para eles, é pedagógico mostrar que os recursos são limitados e que o ato de poupar ajudar a comprar o que se deseja e a realizar sonhos. Também ressaltam que o exemplo dos pais tem a mesma força na educação financeira que nos outros aspectos da vida. Não adianta falar em economizar se o jovem não enxergar isso no cotidiano do pai e da mãe. 

“Formar pequenos poupadores deve ser uma tarefa da família, incluindo, avós, tios e padrinhos. Os parentes devem colaborar com os pais e não ceder a tudo. A frustração e os limites são importantes para qualquer estágio da educação e se fortalecem quando exercidos de modo coeso por todos”, defendem os autores. 

O guia traz ainda dicas de livros e jogos para filhos e pais. Leia aqui a íntegra do Guia de Educação Financeira Futuros Poupadores, lançado na 7ª Semana Nacional de Educação Financeira, no final de novembro de 2020.

Comunicação Social da FUNCEF 

Tags: abrapp educação financeira Previdência complementar

Mais notícias