Logo funcef

Institucional

FUNCEF apoia proposta da força-tarefa da Greenfield

MPF quer que saldo devedor de acordo de leniência seja pago até junho

23 de Março de 2020

Valerii Evlakhov/iStock.com

A FUNCEF apoia a petição encaminhada pela força-tarefa da Operação Greenfield à Justiça Federal em Brasília, na sexta-feira (20/3), na qual propõe que a J&F antecipe o saldo devedor do acordo de leniência firmado em 2017 até o fim do primeiro semestre deste ano. 

Esse saldo devedor é de R$ 11,4 bilhões em valores atualizados pelo IPCA até fevereiro, sendo R$ 3,8 bilhões referentes à reparação destinada a FUNCEF e Petros. O pedido solicita que a J&F seja intimada a se manifestar em prazo não superior a 72 horas. 

Pela proposta da força-tarefa, os R$ 7,5 bilhões que cabem à União, BNDES, CAIXA e fundo FI-FGTS seriam repassados ao Ministério da Saúde para financiar exclusivamente ações de combate ao coronavírus.

A FUNCEF também respalda integralmente a avaliação da força-tarefa de que "a possibilidade de destinação de valores ao Ministério da Saúde não deve envolver os valores de reparação já estipulados em favor dos fundos de pensão lesados, uma vez que os idosos (no caso, que foram vitimados pelos crimes apurados na Operação Greenfield) são as pessoas mais vulneráveis à pandemia do COVID- 19, devendo receber assim proteção prioritária por parte do Estado brasileiro".

A Fundação já agiu de forma proativa e também encaminhou petição à Justiça Federal para reforçar a tese da força-tarefa da Greenfield e solicitar o pagamento dos valores que lhe são devidos até junho deste ano.   

Comunicação Social da FUNCEF
 

Tags: acordo de leniência funcef greenfield MPF

Mais notícias