Logo funcef

Investimentos

FUNCEF deve concluir pré-seleção de conselheiros em setembro

Processo formará banco de habilitados para atuar nas empresas investidas da Fundação

03 de Agosto de 2022

iStock.com

A FUNCEF deve concluir o processo de pré-seleção para conselheiros indicados em empresas investidas até setembro. O banco de profissionais habilitados terá validade de um ano.

Todo o processo de pré-seleção está descrito em edital publicado no site da Fundação e envolve avaliação de currículos e entrevistas.

A avaliação resulta em um ranking, que é observado pela FUNCEF na hora de indicar um conselheiro. A palavra final cabe ao Conselho Deliberativo da Fundação. Cada candidato será comunicado individualmente sobre o resultado por e-mail.

A FUNCEF tem direito a ocupar atualmente 10 assentos em Conselhos de Administração e quatro em Conselhos Fiscais, além de seus suplentes.

As indicações podem ser enviadas às companhias a qualquer tempo, dentro do prazo de um ano, para os mandatos previstos nas suas respectivas governanças.

Requisitos mínimos para os candidatos

  • Atingir 70% da pontuação total de avaliação de currículo;

  • Possuir certificação aplicável a investimentos (ou de Auditoria para os conselheiros fiscais). Serão aceitas certificações tais como CFA, CNPI, CPA-20, ICSS, Certificação de Conselheiros IBGC;

  • Ensino superior completo em qualquer área;

  • Experiência de 5 anos em cargos de gestão (alternados ou não);

  • Não ser membro de quaisquer órgãos estatutários da FUNCEF;

  • Os candidatos só poderão ser indicados pela FUNCEF para um único conselho, exceto se na mesma cadeia societária, com apenas uma remuneração;

  • Caso não tenha outras atividades profissionais no momento de assumir a vaga, deve possuir participação em, no máximo, cinco conselhos;

  • Caso tenha outras atividades profissionais no momento de assumir a vaga, deve possuir participação em, no máximo, dois conselhos; e

  • Possuir, no máximo, seis anos de atuação no conselho da empresa investida que o candidato será indicado.

Responsabilidade dos conselheiros

Conforme os termos aprovados pelo Conselho Deliberativo, ao serem indicados pela FUNCEF os conselheiros deverão, minimamente:

  • atuar com base nas melhores práticas de governança corporativa;

  • cumprir a legislação vigente aplicável à sua atuação;

  • assinar Termo de Compromisso na Reunião Inicial do mandato, quando serão apresentadas, pela Fundação, as principais informações da empresa investida, as diretrizes de comunicação entre as partes e serão pactuados os objetivos do mandato;

  • previamente à indicação na empresa investida, assinar o Termo de Ausência de Conflito de Interesses e demais termos/documentos que forem requeridos;

  • realizar reuniões, no mínimo trimestrais, com a FUNCEF; e

  • atender ao processo de avaliação conduzido pela Fundação quanto à sua atuação durante o exercício das funções perante os conselhos.

Leia mais

FUNCEF abre seleção para conselheiros de empresas investidas

Comunicação Social da FUNCEF

Tags: banco de profissionais conselheiros empresas investidas funcef investimentos processo seleção

Mais notícias